Marketing Digital

Categoria » Postagem sobre Marketing Digital.

[Tudo o que você precisa saber sobre Call to Action]

Tudo o que você precisa saber sobre Call to Action

O que são CTA ou Call-to-Action e porquê você deve usá-los.

Se você trabalha com marketing ou começou a estudar marketing digital, com certeza já leu essas três letras diversas vezes: CTA (ou Call to Action).

Mas o que é isso? Para que serve? E ainda mais: Como usar da melhor maneira?

Por ser  uma ferramenta de marketing tão relevante, o uso do call-to-action gera realmente muitas dúvidas.

O que é CTA?

CTA é a sigla para call-to-action, que em tradução literal significa chamada à uma ação. Ou seja, são links ou funções de uma página que incentivam os usuários a realizarem uma ação.

Seja para fazer o download de um ebook, para se inscrever em um webinário ou para encorajar o visitante a efetuar uma compra, os CTA’s tem o objetivo de levar o usuário para o próximo passo no seu funil de marketing e vendas.   

Por que ele é importante?

O CTA é importante não somente para as estratégias de marketing de conteúdo e sites de e-commerce em geral, ele é relevante para as páginas estabelecerem interações e ajudar a converter os clientes, estimulando desejos nos momentos certos.

Os CTAs também permitem que o navegante permaneça por mais tempo no seu site, usufruindo de outros conteúdos ou adquirindo informações importantes sobre seu negócio.

Lembrando que os CTAs devem ser objetivos, claros e cumprir exatamente o que estão sugerindo. Nós sabemos o tanto que é desagradável clicar em um página que estamos esperando encontrar a oferta proposta e nos depararmos com algo diferente ou irrelevante.

Como ele deve ser usado?

Como dito anteriormente, os CTAs devem ser usados para estimular os visitantes de determinado site a realizarem ações de interesse da página. Eles podem variar de acordo com o objetivo de cada interação e de cada página. Esses objetivos podem ser desde um simples envolvimento com o blog, pedindo opiniões ou engajamento nas discussões, à captação de leads, ou seja, gerar contatos com os leitores para realizar possíveis negócios.

E é justamente sobre a melhor forma de usar cada tipo de CTA que vamos falar no tópico a seguir. Confira!

Tipos de CTAs

É importante destacar que para escolher o tipo de call to action ideal também é necessário saber em que estágio do funil está sua persona. Veja só como funciona a linha de raciocínio:

- Para visitantes: a intenção é convertê-los em leads, que representam pessoas interessadas naquilo que você vende, então, a ideia é trazê-los para perto fornecendo o máximo de informação útil;
- Para leads: o objetivo aqui é fazer com que eles avancem no funil e se tornem prospects, ou seja, potenciais clientes — também conhecidos como leads qualificados. Hora de preencher formulários, obter mais informações e — por que não — convidar para o negócio;
- Para clientes: nessa etapa o ideal é tornar essas pessoas um público fiel e propagador da sua marca, ou seja, aqui o foco está em estreitar esse relacionamento.

Dito isso, seguimos para os exemplos de CTAs que podem funcionar na sua estratégia de marketing digital.

Como fazer CTAs que convertem?

Para escrever CTAs com ótimas taxas de conversão tenha em mente alguns pontos específicos como: o que os usuários estão procurando na sua página, como eles chegaram até lá e o que eles esperam encontrar. Com isso, você conseguirá pensar mais claramente em qual seria o próximo passo deles para evoluírem na sua estratégia de conversão.

Pense em qual será a estrutura do seu CTA: será em forma de texto, link ou botões anexados? Atente-se a detalhes mínimos como design, cor e até configuração do texto. Mas, se achar complicado, espere que vamos te dar uma forcinha com essa parte e iremos explicar um pouco mais sobre esses pontos.

Quais são as cores que atraem mais cliques?

Quando o assunto gira em torno de botões de ação, a verdade é que não existe um consenso sobre qual é a cor que mais funciona com eles. Alguns acreditam que o verde é mais eficaz, enquanto outros já apostam suas fichas nos tons mais avermelhados. Mas então como descobrir qual é a cor certa para a minha página? Simples: Observando qual é aquela que traz o melhor contraste na tela.

Pense o seguinte: se o seu site usa o esquema de branco como plano-de-fundo e preto no texto, seu call to action não pode seguir a mesma ideia. Ele não chamaria tanta atenção desse jeito. Portanto, procure sempre utilizar no CTA uma paleta de cores que se diferencie do restante do site.

Onde posicionar um CTA?

Embora haja muitas possibilidades e a criatividade seja uma boa aliada na hora de escolher onde inserir um CTA no seu conteúdo, existem alguns caminhos que não falham nessa hora. Listamos alguns exemplos sobre onde posicionar a sua sugestão de ação.

- Final de páginas: Esse é imprescindível em toda página, especialmente aquelas que trazem conteúdo informativo no seu site. Isso faz parte de uma boa estratégia sobre a experiência do usuário. Sua intenção é sempre que ele passe mais tempo no seu endereço virtual, portanto, sugira sempre caminhos por onde continuar a navegação.

- E-mail marketing: Os CTAs no e-mail marketing pode vir lá embaixo, quase que como uma assinatura. O bacana é envolver ainda mais o seu lead qualificado com um conteúdo rico, honesto e transparente para que ao final do e-mail ele esteja mais propenso a seguir sua sugestão.

- Imagens no blog post: Em casos de conteúdos extensos, vale a pena investir em umas imagens com sugestão de ação para não perder a oportunidade de captar seu lead.

- Barra lateral: Seu endereço virtual tem a possibilidade de incluir imagens nas barras laterais? Experimente inserir um CTA nelas. A boa localização, que facilita a visualização por parte do leitor, pode ajudar a converter visitantes. Outro ponto positivo é que o conteúdo da página e o CTA não precisam necessariamente falar sobre o mesmo tema.

- Cabeçalho do site: Esses é um local para quem deseja investir em CTAs mais “agressivos”. Isso porque de cara o leitor do seu site já visualiza uma sugestão de ação para seguir e, com o tempo, pode perder o senso de novidade, uma vez que esse tipo de call to action é fixa.

O ponto positivo é que sua sugestão fica sempre no topo e bem evidente para todas as pessoas que acessam seu ambiente virtual.

Gostou do post? Comenta aí!


Veja os Posts Relacionados!