Dicas

Categoria » Dicas e Tutoriais

[Como funcionam os Anúncios no Google Adwords?]

Como funcionam os Anúncios no Google Adwords?

Como usar o Google Adwords para Impulsionar o seu Negócio.

O Google Adwords é a maior ferramenta de links patrocinados da internet. A cobrança pelos anúncios é feita de acordo com os cliques (CPC).

Uma das principais ferramentas para se alcançar sucesso online e gerar receita para uma empresa são os links patrocinados.

E quando falamos deles não é possível não destacar o serviço de links patrocinados do Google: o Google Adwords.

Muitas pessoas têm dúvidas em relação à ferramenta ou já ouviram falar, mas não sabem ao certo o que é o Google Adwords e muito menos as melhores formas de gerar receita com ele no Marketing Digital.

O que é o Google AdWords

O Google possui uma série de ferramentas para ajudar o seu negócio. Uma das mais poderosas é a sua plataforma de anúncios, o Adwords. Com ele você pode criar anúncios que aparecem no topo das buscas dos usuários e conquistar clientes que estão procurando pelos seus produtos. Se você ainda não sabe como usar o Google Adwords, o post de hoje é para você.

Anunciar no Google Adwords é muito vantajoso. Você cria um anúncio baseado em diversos termos de busca que os usuários usam para encontrar informações, produtos e serviços como os que a sua empresa oferece, define um orçamento diário e só paga pelas vezes que os usuários interagem com o seu anúncio.

Esta modalidade de anúncio proporciona o total controle sobre o orçamento e também permite uma assertividade maior para atingir o seu público-alvo, já que você decide em quais buscas o seu anúncio pode aparecer.

Como o Google Adwords funciona

Aprender como usar o Google Adwords é muito fácil, o sistema é bastante intuitivo e você mesmo pode criar os seus anúncios e pagar com um cartão de crédito. Os valores são descontados da sua fatura mensalmente ou quando você atingir um valor pré-estabelecido, o que acontecer primeiro. Também é possível fazer pagamentos manuais antes de colocar a sua campanha no ar.

Você pode definir um orçamento diário para as suas campanhas e também estabelecer um valor máximo para investir em cada palavra-chave. É importante estudar estes dois orçamentos com cuidado, pois um dos critérios do Google para definir quem vai para o primeiro lugar das pesquisas está relacionado a estes valores.

O índice de qualidade do Google Adwords

O Google Adwords também estabelece um ranking entre os diversos anúncios criados para a mesma palavra-chave. Este ranqueamento é baseado em dois critérios: o valor máximo por clique e a relevância do seu anúncio.

Isso significa que o seu anúncio será avaliado em alguns aspectos como, qualidade da redação, uso das palavras-chave e a qualidade da página de destino. Anúncios que apontam para páginas otimizadas, que usam as palavras-chave escolhidas para aquela campanha e que aceitam pagar um valor maior pelo clique ganham prioridade e têm posicionamento melhor em relação aos concorrentes.

Cor do indicador dos anúncios

Para diferenciar os anúncios dos resultados orgânicos, o Adwords mostra um indicador, que parece uma pequena etiqueta: Anúncio.

Essa etiqueta antes era amarela, e com isso deixava mais evidente que o resultado da busca era uma oferta paga. Agora, ela passou a ser verde, o que faz com que o anúncio fique ainda mais semelhante a um resultado de busca normal aos mais desatentos. Isso com certeza conta pontos para o número de cliques que essas opções recebem.

Anúncios Estendidos (ETA)

O Google disponibilizou em 2016 um novo padrão para seus anúncios de texto para resultados de busca. Eles receberam o nome de anúncios estendidos, por serem maiores do que o padrão anterior.

O novo modelo possui 2 títulos com 30 caracteres e uma terceira linha com espaço para até 80 caracteres. Antigamente, os anúncios ofereciam uma linha para o título de 25 caracteres e duas de 35 para a descrição.

Outra diferença entre eles, além da quantidade de texto, é que os estendidos são responsivos, ou seja, se adaptam tanto para buscas em desktop quanto para mobile. Em resumo, o mesmo anúncio será válido para ambas as situações.

Como foi dito anteriormente, graças ao uso crescente dos smartphones para realizar buscas, uma boa prática entre os anunciantes do Google AdWords era criar anúncios específicos para desktop e para mobile, com o objetivo de maximizar os resultados.

Fazer isso ainda é válido, mas por um tempo limitado. O Google já anunciou que em breve apenas os anúncios estendidos serão exibidos nos resultados de busca.

Bons motivos para anunciar no Google Adwords

Um bom anúncio deve alcançar as pessoas certas e no melhor momento. Por isso o Adwords é uma excelente opção para quem quer promover seu negócio, produto ou serviço de maneira direcionada, segmentada e também mensurável.

Continue lendo e conheça os detalhes de cada um dos diferenciais que só o Google Adwords pode fornecer ao seu negócio.

Poder de Segmentação

Além de oferecer anúncios em momentos de alto interesse das pessoas, o AdWords permite a utilização de diferentes formas de segmentação para que a exibição dos anúncios seja ainda mais eficaz. Confira abaixo as segmentações disponíveis:

Keywords ou palavras-chave: os anúncios serão exibidos para as pessoas que realizarem alguma busca no Google utilizando palavras ou frases que representem os produtos e serviços, ou que já visitaram websites sobre esse mesmo assunto pesquisado (histórico de navegação).

Segmentação por tópicos e canais: a plataforma permite escolher algum tópico específico, e os anúncios serão exibidos em vários sites sobre esse determinado tópico. Também é possível escolher diretamente os sites que são mais acessados pelo seu público, e exibir seus anúncios neles.

Público-Alvo: com segmentação por público-alvo é possível exibir anúncios para pessoas interessadas mesmo quando essas pessoas estiverem navegando em websites, usando aplicativos ou assistindo vídeos que não estejam diretamente relacionados aos seus produtos e serviços.

Local de exibição do anúncio: é possível escolher onde os anúncios serão exibidos: em mecanismos de pesquisa, sites comerciais ou sites pessoais (blogs, por exemplo).

Idade, local e idioma: a plataforma permite escolher a idade, a localização geográfica e o idioma de quem será impactado pelos anúncios.

Programação (dias, horários e frequência): existe a possibilidade de exibir os anúncios em determinadas horas ou dias da semana, e escolher a frequência de exibição desses anúncios.

Segmentação por Dispositivos: os anúncios podem ser exibidos em todos os tipos de dispositivos (computadores, laptops, tablets e smartphones), e você pode ajustar quando e em quais deles seus anúncios vão aparecer.

Essas são as segmentações dentro do Google AdWords, que ainda conta com a possibilidade de combiná-las para exibir anúncios criativos e com relevância, tornando o anúncio muito mais eficiente do que qualquer outro meio de mídia.

Controle de investimento

Com o AdWords, o anunciante tem total controle sobre os valores investidos. É possível determinar quanto será gasto por mês, por dia e por campanha. Também é possível fazer com que a cobrança seja realizada apenas quando o anúncio receber cliques, a cada 1000 impressões (CPM) ou somente quando ocorrer alguma conversão no site.

Avaliação do ROI (Retorno sobre o investimento)
Utilizando o AdWords, o anunciante tem em mãos informações valiosas sobre a interação do público com seus anúncios.

É possível contabilizar as impressões e os cliques e, principalmente, saber se quem clicou realizou alguma conversão no site (como realizar uma compra, entrar em contato por formulário, fazer o download do seu aplicativo ou telefonar para fazer um pedido).

Também é possível acompanhar essa pessoa, e exibir novos anúncios por meio de remarketing. Tudo isso é devidamente contabilizado, para que o anunciante tenha números que vão ajudar a comprovar o retorno do investimento no AdWords.

Com as informações oferecidas pelo AdWords, o anunciante pode identificar quais anúncios receberam cliques e quais não estão com boa performance, priorizando o investimento onde o retorno for melhor. Esses insights, quando devidamente acompanhados, poderão aumentar o seu retorno.

A plataforma permite ver muitos outros dados valiosos, incluindo o custo médio de publicidade que resulta em compras ou as ligações dos seus clientes feitas por anúncios para mobile.

Além disso, ferramentas de análise, como o Google Analytics podem e devem ser utilizadas para saber mais sobre os hábitos de compra de clientes, como, por exemplo, por quanto tempo eles tendem a pesquisar seu produto antes da compra, ou em que ponto do site podem estar abandonando o processo de compra.

Custo

O Adwords é uma mídia relativamente mais barata do que outras tradicionais, ou até mesmo se compararmos com outros sites que oferecem espaço para publicidade (grandes portais, por exemplo).

Basta pensarmos no valor que é necessário para investir em mídia convencional, como TV, rádio e outdoor, e na capacidade de medir os resultados: é muito difícil mensurar e comprovar o retorno de uma mídia tradicional.

No Adwords é possível começar com pouco, sentir o retorno e avaliar o comportamento do público, e só assim aumentar o investimento, gradativamente.

Mas já me disseram que está ficando caro. É verdade?

Ao longo dos anos, é normal que o custo por clique das palavras-chave de determinados nichos se elevem, e isso acontece por causa da entrada de novos concorrentes. Independente disso, a mídia continua sendo uma das melhores opções para se obter um rápido e mensurável retorno de investimento.

Gostou do post? Comenta aí!


Veja os Posts Relacionados!